Declaração de Imposto de Renda- Dicas para Passar Longe da Malha Fina

0
Declaração de Imposto de Renda- Dicas para Passar Longe
Como escapar da malha fina

Malha Fina na Declaração de Imposto de Renda – Fique Fora

O período de Declaração de Imposto de Renda já esta chegando próximo a reta final. Fique atento a o que fazer para não cair na malha fina. Atrasando assim sua restituição de imposto ou causando dor de cabeça.

Como o sistema de avaliação da receita é eletrônico, ele esta atento a qualquer pequena divergência nas declarações recebidas. Se você tem dúvida sobre o que deve declarar dos valores que receberam das empresas onde trabalha siga a dica. Solicite na empresa onde trabalha o extrato de rendimentos para declaração de imposto de renda. Nele você já tem tudo que precisa lançar em sua declaração referente a este tipo de rendimento.

Além disso, o declarante pode imprimir, para consulta, os Informes de Rendimentos que os bancos disponibilizam aos correntistas, onde constam todos os valores registrados pelo banco que são repassados à Receita. E nele também esta discriminado os campos onde as informações serão lançadas no formulário de declaração.

É necessário listar todos os bancos em que você possui conta corrente ou algum investimento. As corretoras de valores também deve ser listadas. Pois as instituições financeiras enviam suas informações à Receita. Além dos saldos de contas-correntes e aplicações, é preciso informar os rendimentos em cada uma das contas.

Embora muitos não declarem os pagamentos de cartão de crédito o correto é declarar. Existe ainda a coincidência de dependentes nas declarações de casais divorciados. O dependente deve constar em apenas uma declaração.

As pessoas que fazem a declaração mas não solicitam restituição por enquanto, são menos propensas a caírem na malha fina.