Bancos Apresentam Proposta para Financiamento da Fatura do Cartão de Crédito

0
Bancos Apresentam Proposta para Financiamento do Cartão de Crédito
Novas opções de financiamento para cartão de crédito

Bancos Anunciam Novo Financiamento de Cartão de Crédito

Os bancos já começaram a apresentar suas novas propostas para o crédito rotativo do cartão de crédito. Em Janeiro o Conselho Monetário Nacional divulgou as novas regras do crédito rotativo dos cartões. A partir da nova regra o cliente não pode utilizar o crédito rotativo do cartão por mais de 30 dias.

Depois de trinta dias o banco deve oferecer uma opção de parcelamento da dívida para o cliente que seja mais favorável, com juros menores que os atualmente praticados. Um dos bancos  que já apresentou sua nova linha de trabalho foi o Bradesco.  O cliente que não quitar a dívida em 30 dias automaticamente entra em um parcelamento da dívida em 12 vezes. Com a primeira parcela no mês seguinte.

As propostas

Segundo o diretor executivo do Bradesco, Rômulo Dias, as taxas serão cerca de 30% menores que o rotativo atual. Os juros do Bradesco ficarão entre 3.60% a 9,80%.

O Itaú Unibanco e o Santander também anunciaram respectivamente suas novas regras para o rotativo do cartão de crédito. O Itaú estabeleceu que quem não quitar a fatura integralmente, pagar o mínimo ou não optar por um financiamento terá automaticamente o valor devido parcelado em 12 vezes.

Taxas menores porem caras

Para o financiamento da fatura as taxas ficarão entre 0,99% a 8,9% ao mês. Além disto o banco também reduziu a taxa do rotativo (que incide no primeiro mês de atraso do pagamento) 4% em média.
Para o diretor executivo do Itaú, Marcos Magalhães, esta é uma forma de manter o cliente ativo. Pois o cartão não é bloqueado com o parcelamento da fatura, a expectativa do banco é que a redução das taxas do rotativo ajude na diminuir a inadimplência. O Itaú tem 29,3 milhões de cartões de crédito de titulares ativos. Segundo Magalhães, 12% deste total está no rotativo ou inadimplente.

O Santander,  informou que o parcelamento do rotativo será feito de 4 a 18 vezes. Os juros irão variar de 2,99% a 9,99% ao mês, de acordo com o perfil e as necessidades financeiras do cliente. Além disso, o valor do pagamento mínimo da fatura será composto pelo percentual de 15% sobre os novos gastos e pelas parcelas de financiamentos de faturas anteriores, caso haja.

O Banco do Brasil havia anunciado suas novas regras de pagamento em meados de fevereiro. O cliente do banco estatal também entrará num parcelamento automático, depois de um mês no rotativo, mas o prazo será mais longo: de 24 meses. Colocamos aqui alguns bancos.O ideal é pesquisar o que oferece melhores condições. Lembre-se, existem outros tipos de crédito bem mais barato que o financiamento do cartão. Veja opções no portal.